05/12/2009

Perigos da Obesidade Infantil


A obesidade infantil aumenta risco de doenças cardiovasculares e acarreta outras disfunções no organismo.

Pesquisas apontam que as doenças cardiovasculares podem aparecer de 10 a 20 anos mais cedo em pessoas que foram obesas durante a infância ou adolescência.


Isso ocorre devido a associação da obesidade com a síndrome metabólica, que é caracterizada pela associação de fatores de risco para as doenças cardiovasculares, além de favorecer o aparecimento de outras disfunções no organismo, como o aumento progressivo da pressão arterial e dos níveis de triglicérides e de glicose no sangue.


O sedentarismo somado a uma alimentação incorreta, promove a aceleração do processo de aterosclerose, que é o envelhecimento natural de vasos e de artérias do organismo, que pode se manifestar em jovens na faixa etária dos 18 anos e, em último caso, pode gerar a obstrução das artérias e levar a infartos em órgãos importantes, como o coração e o cérebro.


Por isso, é recomendável que crianças a partir de 10 anos mantenham o peso ideal e dosem o colesterol, principalmente crianças que tenham histórico familiar de obesidade e doenças cronico-degenerativas.


Não podemos esquecer da importância de uma alimentação saudável e a prática de exercícios para diminuir os riscos de doenças cardiovasculares.


A educação física e o esporte na idade escolar, aliado a uma alimentação rica em frutas, legumes e verduras, evitando bolachas recheadas, salgadinhos industrializados e refrigerantes em geral, pode garantir um vida muito mais saudável aos futuros campeões.
.
Adaptado: Banco de Saúde

1 comentários:

ALEXANDRA disse...

Olá, como é bom encontrar pessoas que divulgam a Educação Física, visite o meu site: http://culturacorporalxandraci.blogspot.com

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial